Buscar
  • Luciana Corrêa

Sempre chego de viagem trazendo algo...❤ (com receita)



Algo que me faça lembrar do lugar, dos aromas e dos sabores das delícias experimentadas. Algo peculiar, atraente, pouco visto por aqui. Fora as inúmeras fotos, as lembranças, as paisagens incríveis, as amizades que por ventura tenha feito, trago sim, na minha bagagem de mão, uma especialidade encontrada no local. Uma iguaria, um objeto pitoresco, algo que me conte sobre o destino viajado. Pode ser um livro de fotos locais, um imã de geladeira, um broche diminuto ou uma camiseta com os dizeres “amo o lugar”! Desta vez foi um pouco diferente, mas, ainda assim, trouxe algo especial e singelo. Nada que eu não encontrasse por aqui em algum bom lugar. Mesmo na própria internet poderia achar. Na verdade, já havia experimentado antes, mas não prestei muita atenção... Já conhecia, mas não sabia o nome, a origem, o quanto é popular... Passou 'batido' por mim! Trouxe comigo a receita do famoso e tradicional Scone inglês! Depois vim a saber que esta é uma receita muito apreciada pela rainha da Inglaterra, Elizabeth, e que é oferecida em quase todos os seus chás, principalmente no verão. O Palácio de Buckingham até apresentou esta receita em seu Instagram no princípio da Pandemia.




Quando experimentei pela primeira vez naquela viagem, logo senti um leve toque de limão. Depois fui aprofundando a minha mordida e ela foi me mostrando várias texturas que iam do crocante ao macio, do seco ao amanteigado, do levemente doce ao suavemente salgado. A culminância da tal iguaria acontecia quando, todinha ela, junta e misturada, fazia pequenas e agradáveis cócegas em toda a minha boca. Mas o que era aquilo ali? Um biscoito, talvez. Ou seria um bolinho. Passaria uma geleia ou um requeijão mesmo? Os Scones são exatamente assim! Nem tão doces que me digam "ahaaa estou comendo um biscoito" e nem tão pouco salgados para dizer "taí, que belo pãozinho". Não, nada disso! Eles são “como divinos”! Até então não os conhecia de verdade e fui conhecê-los na viagem para a Argentina, um país distante, tão distante da Inglaterra, local da origem daquela iguaria.


Incrível como o mundo ficou pequeno e as receitas - sabendo disso - se aproveitam

para zanzar de país em país com a maior desenvoltura!



Não perdi tempo e depois do primeiro Scone fui logo pedir ao confeiteiro do hotel aquela incrível receita! Vamos ver?


Scones



Ingredientes:


300g de açúcar

250g de creme de leite

710g de farinha de trigo

200g de manteiga sem sal

35g de fermento em pó

15g de iogurte natural

Essência de baunilha e raspas de limão a gosto


Modo de Fazer:


Misturar a farinha, o fermento, as raspas de limão, o açúcar e a manteiga até formar uma farofinha. Agregar o iogurte, a essência e o creme de leite. Formar uma massa homogênea, sem amassar demais. Abrir a massa e cortar cada Scone com cortador redondo. Colocar numa forma forrada com papel manteiga, levar ao forno à 170 graus por 15 minutos. Retirar e deixar amornar até de apreciar!


Veja também este vídeo do site Delia on-line!


Vale muito a pena testar!


Luciana Corrêa – Mixing things with Love

"porque adoramos misturar de tudo um pouco!"



43 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo