Buscar
  • Luciana Corrêa

Paska: o pão da Páscoa ucraniana ❤ (com receita)



Olá! Como você está?


Já esteve por aqui recentemente? Então já sabe que estamos sempre buscando receitas antigas e com história para contar!


Estas lindezas percorreram o tempo, estiveram nas mais variadas mesas, foram provadas e aprovadas por uma infinidade de paladares e, ainda assim, chegam aos dias de hoje com a mesma graça e majestade!

Não são incríveis?


Não deixe de conferir as demais histórias que postamos neste blog! Elas são massa...



O curioso de uma receita antiga é que ela, em geral, se mistura à história de um povo, de um país, faz parte de uma tradição. Muitas vezes, famílias inteiras emigram de seus países levando estas receitas e, se vão de seus lares, deixam tudo para trás, por inúmeros fatores... Eventos mundiais ou regionais, acidentes naturais ou pela busca por novas oportunidades, por segurança ou por trabalho. As receitas antigas podem ainda estar ligadas a história de algum ingrediente, sendo fundamental sabermos quando este surgiu, quando foi amplamente comercializado, quando tornou-se acessivel para a maioria.


Fico imaginando... será que elas viajaram em cadernetas guardadas no fundo de algum baú? Ou será que já estão gravadas nas mentes de cada um dos familiares pelo exaustivo fazer? Não saberia dizer, mas sei que elas caminham pela história e estão de alguma maneira impressas nas vidas e no cotidiano de gerações. Além das malas, das pessoas, de uma infinidade de preocupações e atribuições que uma mudança de país acarreta, também aí estão elas, as receitas. Elas perfumam majestosamente cada um dos lugares por onde passam dizendo, indisfarçadamente, que possuem novos lares, que terão paragem em novos horizontes.



Vamos falar neste post de um evento mundial bastante atual...


Em pleno 2022, o mundo acompanha com apreensão e tristeza a guerra envolvendo Rússia e Ucrânia e toda a repercussão desta guerra nos países vizinhos e em todo o planeta. Milhares de famílias tiveram que abandonar seus lares e fugir para países vizinhos levando, muitas vezes, apenas uma pequena bagagem ou somente a roupa do corpo. Recomeçar suas vidas, reconstruir o que foi destruído, reencontrar-se, prosseguir, curar-se... Inúmeras vidas foram perdidas e a dimensão dessa guerra é gigante. Aqui, de longe, no Brasil, observamos essa emigração desenfreada e repentina e pensamos em quantas mudanças trarão para a cultura dos povos envolvidos. Este post, porém, não tem a intenção de se aprofundar nos motivos que levaram a esta guerra e nem nos detalhes de sua terrível extensão. Queremos apenas contar sobre uma receita antiga, tradicional, importante, familiar, cristã, do povo ucraniano. Receita esta que, muito provavelmente, estará a partir de agora em mesas diversas, será compartilhada em outro contexto, se misturará às tradições de outras sociedades. Enfim, a Páscoa cristã está chegando e com ela a necessidade de suas tradições será inevitável!


Vamos à receita?



A Paska é um pão típico do leste europeu que traz, na versão ucraniana, diversas decorações em seu topo. Vemos, principalmente, a cruz de Jesus Cristo feita com a própria massa do pão, mas todas as demais decorações traduzem sua especial comemoração que é a Páscoa ucraniana.

Nos tempos pré-cristãos, o pão Paska era assado como oferenda aos deuses pagãos. Mais tarde, já no Cristianismo, foi introduzido aos rituais cristãos sendo, este pão, levado à igreja em uma cesta especial de Páscoa para ser abençoado pelo padre.


De acordo com a tradição, há várias coisas a serem lembradas no momento em que fazemos o pão Paska. Primeiro é importante ter apenas pensamentos positivos ao fazê-lo, para que a energia positiva possa entrar no pão, caso contrário, pode não dar tão certo... Em segundo lugar, você não pode se sentar enquanto a massa cresce ou ela pode não crescer. E terceiro, você tem que fazer um "encantamento" ao colocar a Paska no forno para garantir que ela fique tão bonita quanto quando entrou.



Entramos em contato com a canadense Nicole Harling do blog Culinary Cool. Nicole tem avó polonesa e avô ucraniano que imigraram para o Canadá por volta dos anos 1800. Uma observação, o Canadá é um país que, historicamente, recebe muitos estrangeiros vindos de todas as partes do mundo e por inúmeras razões. Nicole continua com a tradição familiar e faz este pão em todas as festividades da Páscoa. Testamos a sua receita de Paska. Espero que gostem!


Paska


Ingredientes:

1 xícara de leite integral

1 xícara de passas (opcional)

4 xícaras de farinha de trigo

1/4 xícara de açúcar

2 1/4 colher de chá de fermento instantâneo

1 colher de café de sal

2 ovos

1/4 xícara de manteiga derretida

1 colher de chá de cada: raspas de laranja e raspas de limão (opcional)

1 ovo para pincelar no final


Modo de Fazer:

Em uma panela pequena, adicione o leite e aqueça em fogo médio até esquentar. Retire do fogo e adicione as passas. Reserve.

Em uma tigela grande, misture a farinha, o açúcar, o fermento e o sal e misture para combinar.

Adicione ao leite, os ovos e a manteiga derretida. Adicione as raspas de laranja e limão.

Adicione os líquidos à farinha e misture com uma colher até formar uma massa áspera. Despeje no balcão e amasse com as mãos até formar uma massa macia e coesa, cerca de 5-8 minutos.

Unte levemente uma tigela grande. Transfira a massa para a tigela e deixe crescer por cerca de 3 horas em temperatura ambiente.

Após este período, corte um punhado bem pequeno de massa para a decoração.

Com a massa restante, forme uma bola e coloque em uma assadeira redonda untada, com cerca de 20 cm de diâmetro.

Deixe a massa crescer por cerca de mais uma hora.

Enquanto isso, pré-aqueça o forno a 180 graus.

Pincele o ovo na massa e leve ao forno por 35-40 minutos. Se o topo ficar muito marrom, cubra com papel alumínio.


Se testarem a receita, postem uma foto nos marcando!


Luciana Corrêa - Mixing things with Love


"porque adoramos misturar de tudo um pouco"


44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo