Buscar
  • Luciana Corrêa

Hygge, Conexões, Atualidade & Confeitaria ❤

Atualizado: 14 de fev.



Acho realmente que a vida é um emaranhado de conexões que se ligam e se misturam em um movimento tremendamente dinâmico e sagaz. Nada é por acaso ou coincidência. Quando você já viu, alguém te falou, chegou por um cartaz ou um encontro qualquer, aí você liga os pontos e aquilo tudo faz sentido. E foi um pouco assim que tudo aconteceu!


Hygge, a confeitaria e o atual, inacreditável, momento que estamos vivendo. O que tudo isso tem a ver?


Pois é...


Hygge, para quem me acompanha desde o início deste blog, já teve suas primeiras apresentações. Ainda que já tenhamos dito coisas sobre Hygge, há um universo a ser explorado. Hygge pode ser entendido como uma atmosfera prazerosa, criada através de laços de amizade e amor, e que também podem te conectar com o ambiente e consigo mesmo. Hygge é um estilo de vida que prioriza as atividades mais simples de nosso dia a dia, os contatos mais intimistas, buscando tornar o cotidiano mais aprazível e belo. E este, o belo, está muito presente em todo Hygge!



Ao nos depararmos com a nova vida imposta pela quarentena, com o isolamento social, ainda que parcial para alguns, passamos a nos voltar, todos, de repente, para dentro de nossas casas, estarmos mais com nossa família e nos dedicarmos às atividades que antes não nos eram habituais. E toda essa história foi um susto para muitos! Mas também, o fato de ter que ficar em casa, nos surpreendeu! Ainda que nos pareça totalmente surreal o que estamos vivendo, o fato de pararmos ou desacelerarmos, vivendo mais o presente, sabendo das incertezas do futuro, olhando muito mais dentro do que para fora, nos fez conectar com o simples.


Neste sentido, Hygge surge para nos lembrar que sim, podemos vivenciar atividades corriqueiras e ser bom, nos aventurarmos em algo novo e nos surpreender com habilidades desconhecidas, estar com quem nos é caro e reinventar nossas relações. Sim! Hygge é uma “ferramenta” (será que posso usar este termo?) que pode e deve ser colocada em prática em nossas vidas, ainda mais agora com tudo isso que estamos vivendo.


Mas... e os doces? Ahh sim!



Sabe aqueles doces que te conectam com a infância ou que fazem você salivar ao primeiro olhar?


Queria muito trabalhar com bolos e doces, mas apenas com aqueles que me encantam verdadeiramente. Depois de 14 anos fazendo muitas coisas na Sweetmary, queria fazer as mais simples, fazer menos variedade com mais sabor, ter mais foco e dar mais visibilidade a cada item. A começar daí... já me pareceu tão, tão Hygge! Depois fui me aprofundar sobre o tema Hygge e conheci o autor Meik Wiking, grande pesquisador e incentivador deste conceito. E para minha surpresa (ou não!), ele elenca os bolos como um dos itens mais Hygge, definitivamente!


E nessas pesquisas encontrei aquilo que desejava e que fazia sentido!

Convido você então, a fazer uma rápida pesquisa sobre doces/bolos Hygge ou qualquer outro item Hygge, seja para decoração da casa, seja objetos como velas, por exemplo. Você verá que Hygge tem personalidade e estilo próprio. Tudo mais simples, minimalista, cores pálidas, as vezes bem coloridas, tudo com cara de orgânico, frugal e natural. Isso é Hygge!



Vamos pesquisar junto comigo e com meus doces este encantador universo chamado – Hygge?


Luciana Corrêa – Mixing Things with Love

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo